MERDA, desculpem o meu francês…

Não costumo ser rude ou mal educado e ainda não vai ser hoje.

Tenho partilhado e ouvido as preocupações de diversos pequenos empresários e hoje virei-me para aí. Vou mesmo falar disso e espero que alguém nos oiça (leia, neste caso).

Estou apenas a desabafar e acreditando ser esta uma boa forma de envolver (as pessoas) para desenvolver (o País).

É que o País anda esquisito! Por um lado há muito desemprego… o que é mau. Depois há subsídios de apoio aos desempregados… o que é bom. Mas as entidades do Estado não estão preparadas para lidar com tanto movimento… o que é mau. E as empresas que se candidatam a tirar pessoas do desemprego são muitas… o que é bom. Mas leva tanto tempo que os empresários chegam a ficar desesperados… o que é mau!

Mau?! Então os pequenos empresários não andam já desesperados? Ah pois andam! É que criar uma empresa, seja em que ramo for, requer investimento. E o investimento é visto como um custo – isto para efeitos fiscais, ou coisa do género… o que é mau. Acontece é que para a empresa operar tem despesas de funcionamento, ou custos… o que é mau. Mas mau, mesmo mau, é não se conseguir ter lucro logo no primeiro ano. E os pequenos empresários desesperam… o que é mau (já tinha dito!).

Ora se não têm lucro têm que pagar mais tributação autónoma… o que é mau. É  uma espécie de castigo por serem “maus” gestores! Sim, que os bons gestores devem estar todos no sector público, pois conseguem manter as empresas a funcionar com prejuízo por muitos anos (alguém deve pagar… o que é mau).

E os carros? Isso é o máximo. Os pequenos empresários precisam de um carro. Pequeno. Simples. Barato. Pagam o carro. Pagam o IA sobre o carro. Pagam o IVA sobre o carro mais o IA. E depois pagam a tributação autónoma agravada sobre o carro mais o IA mais o IVA, se forem maus gestores e não conseguirem ter sempre lucro. E pagam também a TA agravada sobre o combustível mais o IC mais o IVA. Se forem maus gestores pagam a TA agravada… o que é mau.

E o IVA e o IRC e o IUC e a TSU e outros impostos têm que ser pagos na data limite. Sem perdão. Se passar o prazo tem Custas e Juros de Mora e novos prazos. E quem não pagar está… vou ser educado como sempre… lixado! O que é mau!

Mas para receber do Estado (retorno de impostos, por exemplo) os prazos já não são tão rigorosos! Ou subsídios. Ou respostas. Ou o que quer que seja que é devido aos pequenos (e aos grandes) empresários. Esse atraso muitas vezes causa dificuldades… o que é mau.

Desculpem lá, falo em meu nome e no de muitos dos meus colegas pequenos empresários e estou a ser educado.

Merda!

Até amanhã.

Daniel Lança Perdigão
Improvement Agent & General Manager
UpSideUp

 

About Daniel Lança Perdigão @UpSideUp

I am Strategist and a Visual Thinker, founder of UpSideUp. For me people are in the center of everything I do and UpSideUp does. I deal with people since 1961, I study since ever and I work since 1978! Every day I learn, work and innovate and I love what I do as I am always in contact with... people!
Aside | This entry was posted in comunicação, Cultura, liderança, motivação, pessoas and tagged , , . Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s